LISTAR ARTIGOS DESTA CATEGORIA
LISTAR MENUS

Destaque



Artigo visto 2318 vezes




Visto: 2318 - Impresso: 40 - Enviado: 13 - Salvo em Word: 34
Postado em: 31/05/12 às 23:49:09 por: James
Categoria: Destaque
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=41&id=9796
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Destaque

Shafilea Ahmed, uma jovem de 16 anos de origem paquistanesa que radicava em Warrington, Grã-Bretanha, foi assassinada por seus pais muçulmanos porque consideraram que sua filha era “muito ocidental”.


Conforme informou o jornal italiano Avvenire, Alesha Ahmed, a irmã mais nova de Shafilea, revelou esta semana às autoridades que seus pais assassinaram Shafilea asfixiando-a com uma bolsa de plástico.

Os fatos ocorreram em 2003. Os pais declararam o desaparecimento da jovem e seus restos apareceram um ano depois.

Alesha assegurou que seus pais mataram sua irmã por “temor à vergonha que cairia sobre a honra da família, por causa de um comportamento ocidentalizado” da jovem.

Shafilea sonhava com poder ir à universidade e conhecer outros jovens. Os pais decidiram enviá-la ao Paquistão para obrigá-la a casar-se com um desconhecido através de um matrimônio arranjado. Neste lugar, a adolescente tentou suicidar-se e foi enviada de volta à Inglaterra, onde seus pais a mataram.

Fonte: www.acidigital.com

 
Total Visitas Únicas: 6.489.570
Visitas Únicas Hoje: 1.289
Usuários Online: 232