Espacojames


Página Inicial
Listar Destaque




Artigo N.º 7149 - Vaticano espera que eventual segundo milagre de João Paulo II seja mantido em reserva
Artigo visto 1693 vezes




Visto: 1693
Postado em: 20/01/11 às 22:55:22 por: James
Categoria: Destaque
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=41&id=7149
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Destaque

ROMA, 20 Jan. 11 / 11:17 am (ACI).- O Prefeito da Congregação para as Causas dos Santos, Cardeal Angelo Amato, pediu cautela àqueles que já falam de um possível segundo milagre que serviria para a canonização de João Paulo II. Sem confirmar a veracidade destas versões, ele disse que "só ao final, quando a investigação seja concluída, será conveniente falar disto".

Em uma entrevista concedida no dia 15 de janeiro ao jornal vaticano LOsservatore Romano, o Cardeal Amato explicou que recomendou-se ao Mons. Slawomir Oder, postulador da causa de Beatificação e Canonização de João Paulo II, que "o novo milagre não produza a mesma exposição mediática que aquela produzida sobre o milagre de beatificação".

"Deve-se evitar que os médicos e peritos sejam expostos a qualquer tipo de condicionamento", explicou.

O Cardeal Amato se referiu à cura da religiosa francesa Marie Simon-Pierre, validada como milagre atribuído à intercessão de João Paulo II e que permitirá sua beatificação no próximo 1º de maio.

A religiosa Marie sofria Parkinson, a mesma enfermidade que João Paulo II padecia. 
"Quando faleceu João Paulo II, a irmã Marie estava muito impactada vendo que ele tinha morrido devido à mesma enfermidade. E pensou que possivelmente, o defunto Papa poderia ajudá-la conhecendo a gravidade deste mau", indicou.

O Cardeal recordou que o mais chamava sua atenção sobre João Paulo II, "era sua capacidade de escutar".

Sobre o caminho à canonização, seguinte passo na causa de João Paulo II, o Cardeal Amato explicou que esta só será realizada se houver "esta companhia por parte dos fiéis, a fama de santidade. Em outras palavras, o povo recorre ao servo de Deus para ter a graça" e recordou que tudo exige uma boa verificação "porque a pressa não traz bons frutos".

O purpurado esclareceu que "a velocidade da causa (de João Paulo II) não comprometeu a precisão do procedimento" e o reconhecimento do milagre "veio de maneira linear, segundo as etapas e a dinâmica destes procedimentos. Com o assessoramento de especialistas e de cientistas da consulta médica", sem a intervenção da Congregação para as Causas dos Santos.

O Cardeal assegurou que "a postulação tem feito um bom trabalho", considerando que "o trabalho do postulador é extremamente sério e deve ser feito de um modo preciso".


Fonte:
http://acidigital.com/noticia.php?i
d=21001



LEIA TAMBÉM
Católico cruzará os EUA correndo para promover a importância da oração
CASAMENTO, CAMINHO DE SANTIDADE
Acompanhe a maior catástrofe do Brasil: já chega a 680 mortos
MEDITAÇÃO: 1º DIA DA SEMANA PELA UNIDADE DOS CRISTÃOS
COMO FOI O PROCESSO DE BEATIFICAÇÃO DE JOÃO PAULO II
BENTO XVI FELIZ PELA BEATIFICAÇÃO DE JOÃO PAULO II
A EXPLOSÃO DO CRISTIANISMO NA ÁFRICA
Beatificação de João Paulo II responde ao clamor "Santo subito!", diz ex-secretário pessoal
Vaticano cria estrutura católica para ex-anglicanos e a confia ao Beato Cardeal Newman



 

Saiba como contribuir com nosso site:

1) - O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!
2) - Receba os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui é grátis!
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por Aqui!
4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações Clique aqui!


Total Visitas Únicas: 7.156.679
Visitas Únicas Hoje: 2.214
Usuários Online: 437