Recorde de acesso em:
23/03/2016
é de 7.940
Total Visitas Únicas: 6.258.636
Visitas Únicas Hoje: 1.076
Usuários Online: 388
Sistema de Busca

 

Destaque




Salvar no Instagram

Salvar em PDF






Visto: 1587 - Impresso: 33 - Enviado: 13 - Salvo em Word: 31
Postado em: 02/10/12 às 08:04:05 por: James
Categoria: Destaque
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=41&id=10186
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Destaque

Três leigos julgarão o ”corvo” do Vaticano

Uma pequena sala de paredes engessadas, bancos de madeira e mesas que ainda têm um lugar para o tinteiro ao lado do computador, estuque no teto com o brasão pontifício, um crucifixo atrás dos três juízes. Às 9h30 deste sábado, “em nome de Sua Santidade, Bento XVI”, o presidente do Tribunal Vaticano e do júri, Giuseppe Dalla Torre, declarará aberto o julgamento de Paolo Gabriele, o mordomo do papa preso no dia 23 de maio e indiciado no dia 13 de agosto por ter roubado uma “quantidade enorme” de documentos do escritório privado de Bento XVI.


A reportagem é de Gian Guido Vecchi, publicada no jornal Corriere della Sera, 28-09-2012. A tradução é de Moisés Sbardelotto.

Na casa do “corvo” – que se sentia “infiltrado pelo Espírito Santo” e que admitiu ser a “fonte Maria” do livro de Gianluigi Nuzzi, Sua Santità –, foram encontradas “dezenas” de caixas repletas de cartas fotocopiadas. Junto com o ex-”ajudante de quarto”, que deve (por enquanto) responder por roubo agravado, também será julgado Claudio Sciarpelletti, técnico em informática acusados de “favorecimento”, mas cujo papel é considerado “marginal”: é possível que a defesa peça que a sua posição seja removida e seja processada à parte.

Um processo muito esperado e sem precedentes, pois as causas penais se referem acima de tudo a furtos em São Pedro. Público, mas sem cobertura da TV, nem fotos, nem gravações: na sala, o espaço para os espectadores é limitado, assim como para os jornalistas que choveram de todo o mundo (quatro agências e outros quatro postos sorteados). O processo de Gabriele “não é um processo da Igreja Católica, que tem os seus tribunais e segue o direito canônico”, esclarece o “promotor público” de Apelações do Vaticano, Giovanni Jacob.

O processo ocorre na Cidade do Vaticano, os juízes são leigos (além do professor Dalla Torre, Paolo Papanti-Pelletier e Venerando Marano), o pequeno Estado (44 hectares) segue os “princípios liberais” do Código de Processo Penal italiano de 1913 e do código Zanardelli de 1889.

Portanto, ao contrário do que ocorre hoje na Itália, é o presidente que conduz a audiência e faz as perguntas ao réu e aos textos, e defesa e acusação se dirigem a ele. Aberto o processo, um juiz desenvolverá a exposição introdutória, as partes terão espaço para eventuais exceções. Em seguida, abre-se o debate: e em primeiro lugar Gabriele será interrogado.

É possível que acusação ou defesa peçam para ouvir novamente as testemunhas da investigação, como Pe. Georg Gänswein ou os 14 indicados pelas letras de “A” a “P”: só neste caso o nome seria revelado. O processo é definido e deveria ser breve.

Segundo o professor Giacobbe, Gabriele corre o risco de pegar “até quatro anos”. No Vaticano, dissera-se que “até seis”, mas depende do cálculo dos agravantes. No Vaticano, não há prisões. Em caso de condenação, o caso se voltaria para a Itália. Mas o papa poderia conceder a graça.

No dia 13 de agosto, no entanto, houve “o encerramento parcial” de uma investigação que “continua aberta” para os crimes mais graves: como delitos contra o Estado e os poderes do Estado, vilipêndio das instituições, “concurso” de mais pessoas . Quanto à receptação, ao invés, “os órgãos vaticanos não têm competência para julgar crimes cometidos em território italiano”, diz Giacobbe. As investigações continuam, falam-se de quatro indiciados. Se chegarem novos resultados, pode haver um outro processo.



Fonte: http://reporterdecristo.com/comeca-julgamento-de-paolo-gabriele-vaticano/





Postado por: James - www.espacojames.com.br em: 02/10/12 às 08:04:05 h.


Saiba como contribuir com nosso site:

1) O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!   [ Leia + ]

2) - Receba diariamente os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui! é grátis!
 
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por aqui!

4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações clique no botão abaixo.

LEIA TAMBÉM












Copyright 2006 - 2015 - www.espacojames.com.br - Todos os Direitos Reservados - Santarém - Pará - Brasil
Desenvolvido por: ESPACOJAMES