Recorde de acesso em:
23/03/2016
é de 7.940
Total Visitas Únicas: 5.460.868 Visitas Únicas Hoje: 306
Usuários Online: 98
Sistema de Busca
Documento sem título

Qual a aparição de Nossa Senhora mais importante na História?

Medjugorje

Fátima














Newsletter Espacojames
Receba nossas atualizações diretamente no seu Email - Grátis!
 

Destaque




Salvar em PDF






Visto: 1096 - Impresso: 54 - Enviado: 10 - Salvo em Word: 40
Postado em: 10/08/12 às 07:52:16 por: James
Categoria: Destaque
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=41&id=10009
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Destaque

Ponto de vista de Massimo Introvigne, coordenador do Observatório da Liberdade Religiosa

ROMA, quarta-feira, 8 de agosto de 2012 (ZENIT.org) – O recente massacre da noite de 6 de agosto, que matou vinte cristãos dentro de uma igreja em Otite, na Nigéria, foi comentado em nota pelo sociólogo Massimo Introvigne, coordenador do Observatório para a Liberdade Religiosa, promovido pelo Ministério italiano das Relações Exteriores.

"É um ‘salto de qualidade’ no terrorismo anticristão inspirado pelo movimento islâmico ultra-fundamentalista Boko Haram", diz a nota. Até agora, de acordo com Introvigne, "o Boko Haram apresentou-se como um movimento nacionalista e xenófobo, comprometido com ataques contra as Igrejas missionárias denunciadas como estrangeiras, a começar pela Igreja católica".

O massacre em Otite é diferente. Seu alvo foi uma igreja da Deeper Life Bible Church, denominação protestante pentecostal fundada em 1973 por um professor de matemática da cidade nigeriana de Lagos, William Kumuyi, e, portanto, expressão original de um cristianismo nigeriano.

A denominação conta com mais de cinco mil igrejas na Nigéria e milhares em outros países, incluindo 75 na Itália, com cerca de três mil fiéis. "O sangrento ataque contra um cristianismo africano mostra que o nacionalismo e a xenofobia eram meros pretextos, e que o Boko Haram massacra sistematicamente os cristãos porque são cristãos".

A Itália, encerra o comunicado, "vai reforçar a sua cooperação com a Nigéria para a capacitação da polícia local. E continuará chamando a atenção internacional para o Norte do Mali, uma área em grande parte controlada pela Al-Qaeda e onde terroristas nigerianos se alimentam de armas e de ódio. O caminho para derrotar o terrorismo é longo, mas cada novo massacre nos lembra que ele deve ser trilhado com grande determinação e paciência, sem nunca baixar a guarda".

Tradução: ZENIT



Fonte: http://www.zenit.org/article-31011?l=portuguese











Postado por: James - www.espacojames.com.br em: 10/08/12 às 07:52:16 h.


Saiba como contribuir com nosso site:

1) O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!   [ Leia + ]

2) - Receba diariamente os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui! é grátis!
 
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por aqui!

4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações clique no botão abaixo.




LEIA TAMBÉM











Copyright 2006 - 2015 - www.espacojames.com.br - Todos os Direitos Reservados - Santarém - Pará - Brasil
Desenvolvido por: ESPACOJAMES