104 – A Resposta Católica: Como identificar um gnóstico em uma comunidade católica?
 
 
Recorde de acesso em:
23/03/2016
é de 7.940
Total Visitas Únicas: 6.137.945
Visitas Únicas Hoje: 1.418
Usuários Online: 255
Sistema de Busca

 

Resposta Católica




Salvar no Instagram

Salvar em PDF



Atenção, as opções que aparecem no final do video abaixo não são nossos, o youtube mostra como alternativa.+ Lembre-se: Caso o vídeo não abra, [ Clique aqui ] para instalar ou atualizar o Flash Player. Depois de instalado, feche o navegador (Internet, Mozilla Firefox ou Google Chrome) para salvar as alterações e depois tente abrir o vídeo novamente.
Como Baixar o vídeo para seu computador? Copie o link deste vídeo [ https://www.youtube.com/watch?v=ZkYnvaXxotw ] depois, entre neste site: [ http://pt.savefrom.net ] cole o link no campo indicado e clique na seta > para baixar. Não precisa instalar nada, todo o processo é online.



Visto: 2031 - Impresso: 90 - Enviado: 22 - Salvo em Word: 43
Postado em: 04/11/12 às 08:38:57 por: James
Categoria: Resposta Católica
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=197&id=10274
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Resposta Católica


104 – A Resposta Católica: Como identificar um gnóstico em uma comunidade católica?

Padre Paulo Ricardo

O conceito de gnose pode ser dividido em duas características básicas. A primeira é quando a pessoa crê que a realidade atual é opressora e escravizante. A segunda é que existe um conhecimento que liberta dessa opressão. Gnosis em grego quer dizer conhecimento.

Desde a Antiguidade, passando pela Idade Média e até os dias atuais é possível perceber o gnosticismo. Todavia, ao longo do tempo, este movimento passou por um processo gradual de secularização e, atualmente, trata-se de um movimento ateu e materialista. Isto quer dizer que existe um ódio fundamental contra a estrutura da realidade (obviamente representada pela Civilização Ocidental e tudo o que ela traz). Antigamente esse ódio era direcionado ao deus mau, o demiurgo, aquele que criou o mundo material (portanto, ruim).

Hoje em dia, essa estrutura, antes criada por um deus, pode ser representada por um ideologia, um sistema, que acorrenta o homem a um mundo “errado”. O conhecimento teórico, pela gnose, traria a libertação. No mundo secularizado, o conhecimento teórico é chamado de teoria crítica. O desconstrucionismo é consequência da teoria crítica que não aceita as antigas estruturas e quer refazê-las, recriá-las.

Naturalmente o homem possui dentro de si uma espécie de tentação gnóstica. Ela se manifesta todas as vezes em que se pretende ser "conselheiro de Deus", ou que se acredita que faria o mundo melhor ou diferente "se eu fosse Deus".

Felizmente, Deus quer crucificar a gnose dentro de cada homem. Ele o faz por meio do embate com o mundo real. A obediência à estrutura real como ela foi criada por Deus, bem como pela vontade de aceitar a realidade como ela foi criada, mesmo que não seja do jeito imaginado.

Tomar a cruz dia após dia é lutar contra a gnose. A vontade de Deus muitas vezes de manifesta em agruras e sofrimentos. Aceitar a vontade de Deus não é algo fácil, o próprio Jesus suou sangue para obedecer.

A finalidade da vida cristã não é outra que não lutar contra a gnose que existe dentro de cada um, vencendo a tentação de querer ser Deus, de fazer melhor que Deus. É deixar de ser uma criança mimada, cujas vontades devem ser satisfeitas e inclinar a própria vontade à vontade Daquele que tem o poder de dar a vida eterna, a salvação.



Fonte: http://padrepauloricardo.org/





Postado por: James - www.espacojames.com.br em: 04/11/12 às 08:38:57 h.


Saiba como contribuir com nosso site:

1) O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!   [ Leia + ]

2) - Receba diariamente os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui! é grátis!
 
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por aqui!

4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações clique no botão abaixo.


Visite o espacojames nas redes sociais:



LEIA TAMBÉM











Copyright 2006 - 2015 - www.espacojames.com.br - Todos os Direitos Reservados - Santarém - Pará - Brasil
Desenvolvido por: ESPACOJAMES