Recorde de acesso em:
23/03/2016
é de 7.940
Total Visitas Únicas: 6.267.646
Visitas Únicas Hoje: 1.956
Usuários Online: 318
Sistema de Busca

 

Artigos
Artigos sobre diversos temas, todos relacionados a igreja e o nossa vida cristã.




Salvar no Instagram

Salvar em PDF






Visto: 1649 - Impresso: 50 - Enviado: 31 - Salvo em Word: 41
Postado em: 07/05/10 às 00:03:39 por: James
Categoria: Artigos
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=1&id=5072
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Artigos

(São Tomás de Aquino)

"Por duas razões não se deve manter relações com os hereges.

Primeiramente, por causa da excomunhão, pois, sendo excomungados, não se deve ter relações com eles, da mesma maneira que com os outros excomungados.

A segunda razão é a heresia

Em primeiro lugar, por causa do perigo, para que as relações com eles não venham a corromper os outros, segundo aquilo da primeira epístola aos Coríntios (15, 33): 'As más conversações corrompem os costumes'.

E em segundo lugar para que não pareça se prestar algum assentimento às suas doutrinas perversas. Daí dizer-se na segunda epístola canônica de S. João (v. 10): 'Se alguém vier a vós e não trouxer esta doutrina, não o recebais em vossa casa, nem o saudeis, pois o que o saúda toma parte em suas más obras'.

E aqui a Glosa comenta: 'Já que para isso foi instituída, a palavra demonstra comunhão com esse tal: de outro modo não seria senão simulação, que não deve existir entre cristãos'. Em terceiro e último lugar, para que nossa familiaridade [com eles] não dê aos outros ocasião de errar.

Por isso, outra Glosa comenta a respeito dessa passagem da Escritura: 'E se acaso vós mesmos não vos deixais enganar, outros todavia, vendo vossa familiaridade [com os hereges], podem enganar-se, acreditando que esses tais vos são agradáveis, e assim crer neles.

E uma terceira Glosa acrescenta: 'Os Apóstolos e seus discípulos usavam de tanta cautela em matéria religiosa, que não sofriam sequer a troca de palavras com os que se haviam afastado da verdade'. Entende-se, porém: excetuado o caso de alguém que trata com outro a respeito da salvação, com intuito de salvá-lo".

 
(Quaestiones quodlibetales, quodlibeto10, q. 7, a. 1 (15), c.)

 



Fonte: http://www.ultimasmisericordias.com.br/Pagina
/3208/O-PERIGO-DE-CONVIVER-COM-HEREGES





Postado por: James - www.espacojames.com.br em: 07/05/10 às 00:03:39 h.


Saiba como contribuir com nosso site:

1) O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!   [ Leia + ]

2) - Receba diariamente os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui! é grátis!
 
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por aqui!

4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações clique no botão abaixo.

LEIA TAMBÉM












Copyright 2006 - 2015 - www.espacojames.com.br - Todos os Direitos Reservados - Santarém - Pará - Brasil
Desenvolvido por: ESPACOJAMES