Recorde de acesso em:
23/03/2016
é de 7.940
Total Visitas Únicas: 6.255.121
Visitas Únicas Hoje: 18
Usuários Online: 391
Sistema de Busca

 

Artigos
Artigos sobre diversos temas, todos relacionados a igreja e o nossa vida cristã.




Salvar no Instagram

Salvar em PDF






Visto: 1739 - Impresso: 66 - Enviado: 20 - Salvo em Word: 43
Postado em: 23/12/09 às 06:54:16 por: James
Categoria: Artigos
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=1&id=3892
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Artigos

03.08.2009

A família é o lugar onde brotam as sementes do futuro da humanidade.

Afinal, todo homem que teve a graça de ter um pai e uma mãe vivos, conviveram com a realidade familiar. É ali, no lar primeiro dos filhos que eles têm o primeiro contato com o mundo em que eles tanto esperavam pisar. E, da mesma maneira, é na família que eles convivem com os primeiros valores humanos: o amor, o carinho, a lealdade, a honestidade, a educação e o respeito. Tudo isso – como diz uma velha expressão – vem do berço, ou seja, são os pais os responsáveis por instruir e ensinar seus filhos; e isso antes de qualquer sistema educacional ou até mesmo da própria catequese da Igreja. É, portanto, no ambiente familiar que essas ditas sementes são regadas e podem crescer.

Contudo, assim como em qualquer sistema responsável pelo amadurecimento e pelo desenvolvimento do ser humano, existem dificuldades. Encontramos, especialmente no mundo moderno, diversas ameaças que buscam desestruturar e desmotivar esse papel tão bonito – e difícil, como já destaquei de antemão – da família. O processo de erotização da sociedade, o regresso moral que encontramos nas leis civis, o laicismo presente na mentalidade secular, a evolução dos meios de comunicação para fins exclusivamente econômicos: tudo isso influencia – e muito – a realidade familiar do século XXI. E – muito é de se lamentar – influencia negativamente; desse modo, a família que não estrutura suas bases na rocha, ou seja, num verdadeiro compromisso com a educação e com a ética, cai, esmorece, afunda cada vez mais no abismo da destruição.

Sim, destruição. É exatamente o termo que deve ser utilizado para caracterizar o fim das famílias brasileiras diante dos ventos que a abalam. Infelizmente não encontramos nas famílias, lugares onde deveria estar presente a solidez de uma educação firme e concreta, aquela segurança que tanto procuram os filhos. Assim, não havendo uma base sólida na família, início de todo desenvolvimento, o que se pode esperar do ser humano? Definitivamente nada, ainda mais com os valores que a mídia propaga e que a mentalidade atual a respeito dos relacionamentos e da sexualidade promove. E – assinalo – são esses os principais responsáveis pela queda moral da família.

Se os valores familiares já estão em escassez, tem-se em mente o seguinte: a televisão, por meio das novelas, dos filmes, dos seus programas e dos seriados, assim como os demais meios de comunicação, quer trazer ao mundo mais e mais aquela mentalidade modernista, que busca o progresso, mas de uma maneira totalmente errada e sem rumo. Por exemplo, em uma novela só vemos coisas do mundo moderno: divórcio, sexo fora do casamento, traições, roubos, desobediências, enfim, toda sorte de depravações. Ora, o discernimento para que todos na família possam desfrutar desses bens tecnológicos sem serem psicológica e moralmente afetados não existe. Logo, a família imita as novelas. Sim, porque é de se concordar que, se as nossas famílias realmente preservassem os ideais cristãos integralmente, não haveria nenhum problema em assistir novelas. Entretanto, não é assim. E por isso a família vai de mal a pior.

Ela é atacada de todos os lados, seja pelas leis civis, seja pela televisão, seja pela mentalidade corrompida dos maus pastores. E assim segue sem rumo e sem direção, andando a esmo. Precisamos confiar lucidamente em Deus para que cresçam em nossas famílias as sementes do Reino dos céus. Só assim poderemos de fato reconstruir a moral, um futuro melhor e principalmente cidadãos mais amorosos, porque sem amor, como já dizia São Paulo, o ser humano não é nada. Sigamos, invocando a intercessão da Santíssima e Imaculada Virgem Maria, assim como o do Seu Sacratíssimo Filho, para que as famílias do mundo inteiro possam encontrar esperança e vida nos braços do Pai Eterno.

Graça e paz.

 



Fonte: http://beinbetter.wordpress.com/





Postado por: James - www.espacojames.com.br em: 23/12/09 às 06:54:16 h.


Saiba como contribuir com nosso site:

1) O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!   [ Leia + ]

2) - Receba diariamente os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui! é grátis!
 
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por aqui!

4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações clique no botão abaixo.

LEIA TAMBÉM












Copyright 2006 - 2015 - www.espacojames.com.br - Todos os Direitos Reservados - Santarém - Pará - Brasil
Desenvolvido por: ESPACOJAMES