Espacojames


Página Inicial
Listar Artigos Site Aarão




Artigo N.º 6381 - QUEM TEM MEDO?
Artigo visto 2258 vezes




Visto: 2258
Postado em: 09/10/10 às 15:57:27 por: James
Categoria: Artigos Site Aarão
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=50&id=6381
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Artigos Site Aarão

Está escrito assim em Lucas 21, 25 Haverá sinais no sol, na lua e nas estrelas. Na terra a aflição e a angústia apoderar-se-ão das nações pelo bramido do mar e das ondas. 26 Os homens definharão de medo, na expectativa dos males que devem sobrevir a toda a terra. As próprias forças dos céus serão abaladas.

Poucos textos das Sagradas Escrituras tomam tanto vulto como este acima, que sem sombra de dúvidas foi pronunciado por Jesus, exatamente para o nosso tempo. E devo dizer que tudo isso é apenas o começo, pois o mesmo Jesus afirma em Marcos 13, 8 Levantar-se-ão nação contra nação e reino contra reino; e haverá terremotos em diversos lugares, e fome. Isto será o princípio das dores. 9 Cuidai de vós mesmos; sereis arrastados diante dos tribunais e açoitados nas sinagogas, e comparecereis diante dos governadores e reis por minha causa, para dar testemunho de mim diante deles.
 
Nada como ter à disposição esta palavra cortante, preciosa, que põem fim a qualquer dúvida quanto ao que está acontecendo em nossos dias, e falemos do Brasil, o que mais nos interessa. Certo é que por aqui não se fala em guerra, mas devemos levar em conta a guerra contínua da polícia com os bandidos, a guerra no trânsito, que mata mais gente aqui anualmente do que a guerra aberta no Iraque, e a guerra mãe de todas, a luta sanguinária que se trava contra a vida humana: falo dos que pugnam pela causa do homossexualismo estéril e do aborto execrando, e num repto direto contra o Deus da vida, o praticam. Nada mata mais do que esta guerra infame, que enche os esgotos de fetos humanos e tinge de vermelho os rios, lagos e mares.  
 
Como todos têm acompanhado, a questão do aborto tem sido a pauta central desta primeira semana após a decisão do segundo turno para presidente. E de fato só houve um segundo turno, exatamente porque as pesquisas mostraram que, por causa da posição da candidata da situação favorável a esta causa, ela perdeu seis milhões de votos em uma semana. Como eu falei lá no início, se a oposição tivesse explorado este filão, desde o início da campanha, teria sem dúvida, revertido o jogo. O grande problema é que nem ela tem moral para ir fundo neste caso, e isso explicarei adiante.
 
No centro desta polêmica, entretanto, muitas situações se criaram, e tudo explodiu a partir de uma simples homilia, pronunciada por um humilde sacerdote – negro, mas de alma lindíssima – proferida na Santa Missa de dia 5, terça feira passada. Posta de imediato no youtube, ela provocou um violento terremoto, para alegria dos que são pela vida e pela verdadeira Igreja de Pedro, e para ódio mortal, insano, daqueles que são pela cultura da morte, e pela falsa igreja latina, aquela que mergulhada na mais profunda cegueira espiritual, calou-se no primeiro turno, porque julgava ganha a batalha da candidata que apóiam veladamente. Mas cegamente de novo, agora se atira contra a Igreja da verdade, o que mostra claramente a fratura exposta da Igreja.
 
Bem a calhar vem neste momento o Evangelho de hoje, como está em Mateus 12, 25 Jesus, porém, penetrando nos seus pensamentos, disse: Todo reino dividido contra si mesmo será destruído. Toda cidade, toda casa dividida contra si mesma não pode subsistir. Ora quando os bispos do Regional Sul emitem um documento alertando os católicos contra não só o perigo do aborto, mas também do comunismo que se instala em nosso país, e vem agora a CNBB desautorizar e “lamentar” esta posição, se constata aqui um exemplo deste “reino dividido”, coisa que, aliás, não é de hoje. É desde que foi fundada para desgraçar a Igreja!
 
Ademais, centenas de profecias nos alertaram para o fato de que isso aconteceria. Que padres se atirariam contra padres e bispos contra bispos! Também que cada pessoa faria para si uma igreja particular ao seu gosto que a desobediência seria generalizada e o Santo Padre ficaria isolado, porque a Igreja se dividiria em mil cetros. Estão aí as ditas conferências episcopais se arrogando direito de emitir doutrina diferente da de Pedro, e aos poucos cada bispo do mundo faz seu próprio Catecismo. Fossem, ainda, todos em fidelidade perfeita ao Catecismo Oficial da Igreja, mas há aqueles que trocaram a salvação das almas pela defesa dos micos, da água e do planeta.
 
Também a questão da Canção Nova se percebeu claramente a divisão gritante. Já antes se notava ali um pandemônio indisfarçável, na medida em que um programa falava uma coisa, e outro a seguir defendia exatamente o contrário. O cúmulo dos absurdos surgiu com o documento do Presidente da Fundação que mantém a CN, veio desautorizar o sermão do Padre José Augusto, no que se configura não somente um ato truculento, mas numa aberração. Mais ainda, e pior, usando também o nome do Monsenhor Jonas num comunicado sem vergonha. Antes tivessem ficado calados, e saído em defesa de seu sacerdote – que apenas disse a verdade – e a CN teria se tornado um baluarte, porque se o governo quisesse agora, nesta hora, cancelar sua concessão, atrairia sem dúvida a ira do eleitorado católico. Eles naturalmente que blefaram! Mas os dirigentes dela foram covardes! Quem tem medo?
 
Olhem o ardil: uma coisa é a política, outra coisa diferente a moral, porque com toda certeza hoje, toda política é conduzida por imorais, de ficha suja. Nossa política é suja, é imoral. Uma coisa é a política partidária, outra diferente, a defesa dos valores morais de uma sociedade, pois se tornaram infinitos opostos. A política correta busca eleger pessoas honestas visando criar um governo sólido, com condições de prover a sociedade daquelas necessidades básicas, comuns a todos, resolvendo problemas estruturais, como saneamento básico, saúde, segurança pública, educação, transportes, estradas, previdência social e tantos outros.
 
Ao estado compete resolver problemas que envolvem toda a sociedade, e que não podem ser resolvidos pelas pessoas individualmente ou por um grupo isolado, mas são comuns e precisam de uma regra geral. Ela não se envolve no lado espiritual das pessoas. Nas questões de moral e fé!  Se o estado quer ser laico então não deve legislar na causa espiritual. E deve sim, respeitar os credos, por princípio constitucional, na forma da lei. Desde que todos os credos respeitem também a lei. Digamos que ao estado não compete legislar quanto ao pecado, conforme a doutrina cristã. Porque em nossa nação a maioria das pessoas se diz seguidora de Jesus Cristo, até mesmo os oportunistas e candidatos. Por causa dos votos, não da fé!
 
Ao Estado compete resolver os problemas vitais que fazem funcionar a sociedade, e até pode legislar sobre a pena de morte, nos casos de adultos. As leis que ele cria devem ter por base os princípios universais do direito, sem abalroar os princípios morais, que partem da lei natural. Assim, o assassinato de uma criança indefesa no ventre de uma mãe, não pode ser decidido por uma lei humana, porque além de ser imoral, é lei diabólica. O pecado hediondo da prática do ato homossexual não pode ser aceito pela lei humana, nem o casamento entre pessoas do mesmo sexo e tampouco a adoção de crianças por eles, porque isso contraria os princípios universais da vida humana.
 
Ora, o que o Padre José Augusto defendeu, foi apenas o direito de não votar no PT, porque este partido é o único dentre os nacionais, que numa de suas cláusulas obriga seus filiados a aceitar que o aborto não seja um crime, como está na Constituição. Isso não é jamais interferir na política, mas sim defender os princípios da Lei Divina, coisa que compete aos Sacerdotes do Deus Altíssimo, da Santa Igreja Católica. E é apenas isso que este santo sacerdote está fazendo, porque assim se comprometeu por voto, diante de Deus. Se, nesta defesa, ele contradiz princípios que são compromisso com a morte, isso não quer dizer que seja usar espaço na TV para fazer campanha contra uma candidata. Mas os maus querem calar sua voz profética!
 
Diabolicamente, porém, hoje em dia os condutores da destruição usam de um artifício que se chama “discriminação”, subvertendo a natureza do termo. A discriminação só pode ser usada quando fere a integridade da pessoa, sua religião, a cor de sua pele, sua nacionalidade, e sua natureza física, JAMAIS por questões de moral. Ou seja: de pecado! Se a sociedade em peso considera o aborto como um crime bárbaro, e nossa Igreja chama isso de pecado gravíssimo, nenhum governo pode alegar discriminação daqueles que se lhe opõem, porque a Constituição nos dá liberdade de culto. Porque se assim fosse, o governo teria de aceitar o tráfico de drogas, e não poderia discriminar o traficante. Uma coisa é a pessoa, outra a moral e os princípios pétreos da lei natural.
 
De fato, o que vale para um, deve valer para todos numa sociedade justa. Se a fé, se as questões de foro íntimo são direitos inalienáveis do cidadão, o direito de ser contra isso também deve ser concedido a todos, dentro do respeito mútuo. Mas hoje se percebe a fúria titânica dos filhos do diabo, querendo impor o ateísmo, a imoralidade, a podridão, o vício, o ócio, a bandalheira, a corrupção, a ladroagem coletiva como norma, contra o que gritam a palavra de ordem da “discriminação”. O terrível, porém é que consideram crime contrariar tudo isso. Quando quem força a exigência disso tudo é um grupo diminuto, reduzido, mas furioso, que nós incautos deixamos tomar o poder. Trocam então a verdadeira democracia, pelo império da tirania.
 
Um ditado diz que o diabo esconde o chifre, mas não consegue esconder o rabo. Ele embora inteligente, sempre comete gafes, porque fica cego em seu ódio brutal. Da mesma forma os políticos, tantas vezes cometem gafes, dizem coisas sérias, que mais adiante os irão desmascarar e prejudicar gravemente. Ontem eu assisti a um vídeo muito claro neste sentido, quanto ao nosso atual Presidente. Ele quando ainda um sindicalista ambicionando a presidência, afirmou que “infelizmente” programas como o fome zero, serviam para as classes dominantes manipularem os eleitores, e que isso era um grande mal. Mas agora, num dos palanques desta eleição, ele afirmou que “ainda existe gente, tão imbecil, tão idiota, que afirma que o fome zero é usado para manipular os eleitores”. É claro então, que devemos acreditar na primeira afirmativa, porque a segunda é eleitoreira. Eis o rabo da serpente.
 
Da mesma forma se dá quanto à candidata petista, que agora, temendo perder mais votos se declara contra o aborto e “cristã”, quando tempos atrás, quando questionada perguntou: “será que Deus existe?”. Alguém viu a entrevista dela falando sobre Nossa Senhora? Ora, há mais de um vídeo diferente circulando por aí, onde ela afirmava claramente, em vezes diversas que é SIM a favor do aborto, e que “acha um absurdo que ele ainda não tenha sido descriminalizado no Brasil”. Deste modo, não há como não se perceber que a afirmação atual de ser contra o aborto é mentira, tem conotação eleitoreira e vem por medo de perder mais votos do que já perdeu. E é cinismo dela também, afirmar que “meu neto nasceu, como posso ser a favor do aborto”, quando se trata do neto dela, mas pode ser abortado sim, quando forem os filhos dos outros.
 
A mesma coisa aconteceu com o partido deles, no momento em que aceitou do diabo e das feministas que o seguem, a sugestão de colocar a cláusula abortista em seus estatutos. Por ser uma questão moral, ela não deveria constar do Estatuto, por ser de foro íntimo. Embora que, todo aquele que sabe disso, e se filia em tal partido, ou se mantém filiado, está sim em falta grave diante de Deus e não pode participar dos sacramentos da Igreja Católica. Deve desfiliar-se do tal partido e buscar outra denominação, onde esta abominação não conste. Porque quem se mantém filiado ou vota em candidatos deste partido, assina em baixo de tudo o que eles decidirem, inclusive sobre a vida do próprio eleitor que neles vota. É, pois, cúmplice do aborto!
 
No mesmo sentido, foi José Serra quem assinou a atual Norma Técnica, nos casos de interrupção da gravidez por agressão sexual que abriu precedente para milhares de abortos. Hoje se sabe que ele, como Ministro, assinou esta Norma sob pressão, até porque devemos deixar bem claro, a Comissão do Congresso Nacional que formulou esta norma, era composta majoritariamente pelo PT, que contribuiu com 38 votos, digamos 80% do total. Isso, por outro lado, não justifica Serra, porque ele sendo cristão como se diz, deveria então demitir-se do governo, deixando o Ministério, em protesto contra este ato, sem assinar. Eu faria isso! E se ele tivesse feito tal ato, tão simples, e agora explorasse este filão, poderia ser eleito ainda no primeiro turno.
 
O fato é que não podemos acreditar em políticos que hoje firmam uma posição, sem pressão e de forma consciente, porém mais tarde, quando precisam de votos passam a dizer o contrário. Neste caso, devemos considerar a opção primeira do candidato, aquela que foi tomada de forma consciente e não eleitoreira. Assim, tanto a posição do Presidente quanto aos programas assistenciais, quanto a da candidata sobre o aborto se tornam agora cínicas e não devem ser levadas em conta, por causa de seu interesse imediatista. Ademais, como já coloquei no outro artigo, não se discute nesta eleição apenas a questão do aborto, mas aquele draconiano PNHD3, que faz parte do plano de governo da candidata, e que se posto em prática implanta aqui o comunismo.
 
Uma coisa eu quero deixar bem clara, quanto a minha posição sobre isso tudo: ela é pessoal e não envolve o Movimento Salvai Almas. Outra coisa que quero esclarecer é que quando alertamos sobre estas realidades e somos obrigados a citar nomes de pessoas não confiáveis, não as estamos julgando porque seu proceder é que as julga. Nosso objetivo maior, inarredável é quanto às almas de tais pessoas, é quanto a sua salvação eterna, porque incautamente e por fúria de poder elas se atiram em mil conchavos espúrios, para ganhar eleições aceitam coligações até com o diabo, beijam as mãos de sociedades secretas e grupos de domínio, pondo em risco sua salvação.
 
Enfim eu coloquei todas estas coisas até esta altura do texto, apenas para situar o centro da questão, ao ponto em que quero chegar à pergunta título: quem tem medo? Na homilia do Padre José Augusto, esta pergunta soa indireta, mas com força terrível, quando ele afirma que é fácil bater palmas para quem fala, o difícil é dar a cara para bater, é enfrentar o inimigo em luta aberta, defendendo a causa da Igreja e de Deus, sem medo das conseqüências. Vejam que, por força daquelas palavras, sabemos que ontem o pessoal da candidata solicitou ao TRE tempo de 15 minutos de resposta na TV Canção Nova, para que a candidata possa se defender dos “ataques” recebidos. Eu espero é que fique pior do que já está!
 
Ora, isso mostra duas coisas claras: primeiro a truculência dos agitadores do PT, que não conseguem conviver com os opostos, e confundem claramente uma opinião moral, com uma questão política, quando acima mostrei que são campos opostos. A moral e a fé estão acima de qualquer proposta partidária, mormente quando eleitoreira. Nem uma só nação pode alegar laicidade, quando ofende os princípios eternos da Lei Maior e Natural, impressa fundamente no coração do homem. E numa nação católica e cristã como a nossa, onde em última análise 97% da população é contra o aborto, é plenamente mal intencionado um partido que coloca isso em seus estatutos. Ele não está pensando no povo, e sim nalgum objetivo diabólico, e escuso. De fato, cumpre a agenda da besta internacional, que busca reduzir a população a poucos escravos.
 
O segundo ponto que devemos tomar atenção é para o que isso sinaliza no futuro de nossa terra. Tais atos mostram com clareza ímpar que a ditadura será a tônica do próximo governo, que pretende sufocar todas as vozes de oposição e calar, sobretudo a Igreja Católica, a única instituição que os pode derrubar. Aponta, também, para o fato de que a candidata pode até ganhar, mas de forma alguma irá governar. Por trás dela existem monstros truculentos, cérebros diabólicos e gênios da maldade, que tramam as mais desavergonhadas abominações.
 
As conversas captadas por jornalistas, vindas do José Dirceu, nos levam a pensar o inaudito, de que eles seriam capazes de matar a candidata, depois de eleita, para assumirem o controle de tudo. Por isso eu acho que aquela profecia espírita citada no outro texto se cumprirá. As conversas com este mesmo maquinador das trevas, levam a entender que Dilma não governará, se ganhar, mas sim o partido dela. Não será a presidenta que indicará cargos e ministérios, mas o partido. E não tenham dúvidas de que por trás disso está a tirania do comunismo, este homem é o cérebro dos maus.
 
E agora vem a questão do medo! Você tem medo de ser perseguido, preso, exilado, levado diante dos tribunais? Terá coragem de continuar defendendo a Igreja, a moral e a fé diante do carrasco insensível, que o ameaça de tortura e morte? Que disse Jesus? Como está em Marcos 13, 9 Cuidai de vós mesmos; sereis arrastados diante dos tribunais e açoitados nas sinagogas, e comparecereis diante dos governadores e reis por minha causa, para dar testemunho de mim diante deles. O padre fez exatamente isso: deu a cara para bater, desafiou a justiça que o processe e prenda, fez isso diante de governo e governados publicamente, dando assim o TESTEMUNHO pedido por Jesus. Terá coragem de enfrentar os comunistas, e satanistas que estão por trás disso?
 
Hoje pela manhã quando participava da Santa Missa, veio-me o título deste texto, e na mente surgiu-me aquela passagem incrível acontecida tempos atrás na China, na praça da paz celestial, quando um anônimo, sozinho, desafiava inteira uma coluna de tanques, fê-los todos parar, subiu em cima do primeiro e desafiava o condutor a passar por sobre ele. Que foi feito deste homem, que nunca mais apareceu? Você teria coragem de fazer a mesma coisa? Que incrível testemunho de coragem, dado sem uma palavra, apenas por um ato e alguns gestos. E claro, deve-se levar em conta a questão da temeridade, que é colocar a vida em risco, de forma desnecessária. Em cada caso deve haver a ponderação, mas podem ter certeza: bilhões não terão coragem!
 
Analisem a circunstância daquele fato. A China é um país comunista – como o nosso Brasil ainda o será – onde não existe a liberdade de expressão, e, portanto, aquele homem não poderia simplesmente escrever um artigo de critica como eu faço agora, nem fazer uma homilia como aquela fantástica do Padre José Augusto: entretanto seu grito foi muito mais veemente, foi mais longe, e para sempre servirá de exemplo de coragem, para aqueles que morrem de medo de ser confrontados, serem desafiados, e terem de sair em defesa firme, decidida, irrevogável e até a morte se preciso favor, dos princípios de sua fé, e da crença em Jesus Cristo. Eu vou ser bem claro, acredito que não teria a coragem daquele homem, porque dizer é fácil, agir muito difícil.
 
Mas que ninguém ignore, nem finja, nem tente escapar... Os tempos são finais e de decisão é final. Quem quiser viver agora, e ser digno da Nova Terra que chega, deve optar definitivamente, ou por Deus ou contra Ele. Porque Jesus diz assim em Mateus 10, 32 Portanto, quem der testemunho de mim diante dos homens, também eu darei testemunho dele diante de meu Pai que está nos céus. 33 Aquele, porém, que me negar diante dos homens, também eu o negarei diante de meu Pai que está nos céus. 34 Não julgueis que vim trazer a paz à terra. Vim trazer não a paz, mas a espada. 35 Eu vim trazer a divisão entre o filho e o pai, entre a filha e a mãe, entre a nora e a sogra, 36 e os inimigos do homem serão as pessoas de sua própria casa.  
 
É tempo então deste último testemunho de fé, e é para isso que deveremos estar preparados. A divisão não está somente na Canção Nova onde o dirigente se jacta no direito de desautorizar um sacerdote, como está na CNBB, que “desautoriza” os bispos do Regional Sul, de serem contra a candidata, convertida de ocasião e última hora. A divisão não está somente dentro do PT, onde muitos são contra a inserção do aborto como cláusula pétrea em seu estatuto, mas está entre o vice Temer e a candidata, que já necessitam de foguista para apagarem o fogaréu entre os dois. A divisão não está só entre a Igreja que se bate contra o estado, como está dentro das casas, pai contra filho e vice e versa e esta, sem dúvida a mais perigosa das divisões, pois no alicerce social. Destruam um governo, e outro será formado. Destruam a família e terá fim a nação! É por isso que o demônio ataca tanto as famílias.
 
Em todas as aparições verdadeiras Nossa Senhora, desde La Salette tem alertado o mundo sobre uma terrível perseguição que acontecerá em todo mundo, especialmente contra os seguidores de Jesus Cristo. E será tal que, como está em João 16, “chegará o dia em que aqueles que nos matarem, acharão que estão prestando culto a Deus”. Isso parece impossível a muitos, mas não se enganem, está já acontecendo. Falo daqueles que se dizem católicos, e que, mesmo alertados contra tudo isso, mesmo sabendo das posições diabólicas de seus candidatos, os defendem com unhas e dentes, vendo todo argueiro no olho dos adversários sem perceber as imensas traves no olho dos seus.
 
Embora raros, tenho aqui tais correspondentes. É delírio o que assacam em defesa do indefensável. Este tipo de gente existe hoje para cumprir o que está escrito no Livro "A Saga das Almas", onde é dito que existem milhares de pessoas irrecuperáveis. Nada os consegue demover, nem converter, nem fazer entender. Não há como deixar este tipo de povo povoando a face da terra, sob pena de jamais haver paz aqui. E com eles terão de sumir todos os malignos que os governam, porque mesmo dizendo-se católicos, cristãos e tementes a Deus, eles não falam do Deus verdade e vida, mas daquele que criaram para si. E não falo de pastores de seitas, mas de maus católicos. Esta gente, de fato, tal como segue agora os precursores do anticristo que são nossos governantes, seguirá a grande fera que virá adiante, e matará em nome dela.
 
Sei que muitos gostariam de ouvir de mim, que a oposição tem uma chance de vencer no segundo turno, mas infelizmente tenho que dizer que não acredito. Mesmo que Serra viesse a vencer, como estamos no final dos tempos e tudo tem que se cumprir, devido a tremenda pressão internacional, devido à esmagadora pressão do inferno, qualquer governo agora eleito sucumbirá diante da fera. O castigo poderia ser quem sabe atenuado, mas no final daria no mesmo.
 
Eis o motivo pelo qual chegou para nós o tempo da coragem, do unir-se, porque isoladamente cada um será uma presa fácil do inimigo. Reunir as famílias, para a oração do Terço diário. Nas localidades pelos grupos de pessoas, com afinidade e entendimento do que acontece, porque virá o dia em que não teremos mais comunicação de espécie alguma, nem internet nem correios, tudo nos será tirado. Virá um golpe de estado, e a ditadura civil! E logo estaremos no colo do Anticristo!
 
Isso tudo já foi previsto por Nossa Senhora em La Salette quando disse: Todos os governantes civis terão o mesmo plano, que será o de abolir e fazer desaparecer todo o princípio religioso, para dar lugar ao materialismo, ao ateísmo, ao espiritismo e a toda espécie de vícios. Os malvados desenvolverão toda a sua malícia; os homens irão matar-se e assassinar-se, até dentro das casas. As pessoas acreditarão que tudo estará perdido. Não se verá mais do que homicídios, não se ouvirá senão os ruídos das armas e blasfêmias. Muitos duvidam que isso possa acontecer dentro dos dois próximos anos, mas tenham certeza, virá o redemoinho, e engolfará o mundo. Por isso...
 
Deus vai castigar de uma maneira sem precedentes. Ai dos habitantes da Terra! Deus vai esgotar a sua cólera e ninguém poderá fugir a tantos males juntos. Todo o universo será presa de terror e muitos se deixarão seduzir, porque não adoraram o verdadeiro Cristo, que vivia entre eles. Chegou o tempo; o sol está escurecendo; só a fé sobreviverá. O sangue correrá por todos os lados; as igrejas serão fechadas ou profanadas; os sacerdotes e religiosos serão perseguidos; irão fazê-los morrer, e morrer de morte cruel. Muitos abandonarão a fé, e o número de sacerdotes e religiosos que apostatarão da religião verdadeira será grande; entre estes haverá até mesmo Bispos.      
 
Por isso, desde lá ela clama pelos valentes Apóstolos dos Últimos Tempos, os fiéis discípulos de Jesus Cristo, que viveram no desprezo do mundo e de si próprios, na pobreza e na humildade, no desprezo e no silêncio, na oração e na mortificação, na castidade e na união com Deus, no sofrimento, e desconhecidos do mundo. Já é hora de saírem e virem iluminar a Terra. Ide e mostrai-vos como meus filhos queridos. Estou convosco e em vós, desde que a vossa fé seja a luz que vos ilumine nesses dias de infortúnio. Que o vosso zelo vos torne como que famintos da glória e da honra de Jesus Cristo. Combatei, filhos da luz, vós, pequeno número que ainda tendes vista; porque chegou o tempo dos tempos, o fim dos fins. Sim, assusta e dá certo medo, mas pensemos no fantástico prêmio do Novo Reino. Isso ajudará muito!
 
Como eu falei acima, o Reino que vem, pertence aos que lutam por ele, os que têm coragem, os que defendem publicamente a sua fé. A prova é dura, mas não tão difícil, porque a Mãzinha afirma que sempre estará conosco e em nós. Não somente Ela estará visível para os que têm fé, mas junto conosco estarão os 144 mil prometidos, que nos defenderão dos inimigos. Eles virão do Céu, e até mesmo Jesus se fará presente. Você está preparado? Bem, a oração constante é a arma de preparação!... E o medo desaparecerá! Vem junto?!!!
 
(Aarão)


www.recadosaarao.com.br





LEIA TAMBÉM
Os cristãos podem mais
Vendem a vida
Sobre Padre José Augusto (Vejam mais isto)
Mostram-se os lobos
O PERIGO RONDA
BOA NOVA
OS TALENTOS
Homilia do Padre José Augusto – Canção Nova (05/10/2010) (Leiam por favor!)
A besta premia



 

Saiba como contribuir com nosso site:

1) - O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!
2) - Receba os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui é grátis!
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por Aqui!
4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações Clique aqui!


Total Visitas Únicas: 8.084.546
Visitas Únicas Hoje: 359
Usuários Online: 134