Espacojames


Página Inicial
Listar Destaque




Artigo N.º 6142 - Cardeal italiano: Sacramento do matrimônio é prova de esperança para a humanidade
Artigo visto 1861 vezes




Visto: 1861
Postado em: 07/09/10 às 07:00:20 por: James
Categoria: Destaque
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=41&id=6142
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Destaque

Roma, 06 Set. 10 / 11:40 am (ACI).- O Arcebispo de Gênova e Presidente da Conferência Episcopal Italiana, Cardeal Angelo Bagnasco, assegurou que enquanto "um homem e uma mulher unem suas vidas para sempre no vínculo do matrimônio" haverá esperança no futuro para a humanidade.


O Cardeal pediu aos italianos rebaterem através do sacramento do matrimônio, "uma verdadeira corrida rumo à morte" e recordou que "negar a 
família significa o desmoronamento da sociedade mesma".

Na 
missa que celebrou pela Solenidade da Virgem da Guarda, o Cardeal Bagnasco pediu um maior amparo da família na Itália porque um maior apoio às políticas pró-família assegura um "corpo social equilibrado."

O Arcebispo insistiu a desenvolver políticas que sejam "mais aderentes e eficazes" segundo a realidade das famílias na nação, e considerou "absurdo" não estar preocupado pelo problema e resolvê-lo.

Segundo as cifras oficiais do Instituto Nacional de Estatística da Itália, no ano 2009 houve uma média de 1,41 filhos por família.

O Cardeal Bagnasco sustentou que a necessidade de "reconhecer que o equilíbrio demográfico não só é necessário para a sobrevivência física de uma comunidade, pois sem filhos não há futuro, mas também é uma condição para a aliança entre gerações que é essencial para uma normal dialética democrática".

A falta de 
crianças antecipa um futuro "outonal" para o país, advertiu e indicou que os desequilíbrios geracionais, a pobreza educativa e a impossibilidade da sociedade de pensar em prever e organizar-se em torno às crianças já é real.

"A família fundada no matrimônio, e especialmente no sacramento, é uma prova de que Deus segue amando o mundo, que confia no homem, que o futuro existe, que o amor e a esperança são mais fortes que o mal", indicou.

Finalmente disse que embora o "sim" ao matrimônio possa ser intimidante para alguns, com o poder de Cristo "uma força divina e humana se insere na relação" e permite que "o amor até o ponto de sacrificar-nos a nós mesmos" una "as fronteiras entre o humano e o divino".


Fonte: http://www.acidigital.com/noticia.php?id=19990





LEIA TAMBÉM
MAIORIA DOS BRITÂNICOS APOIA CULTURA CRISTÃ
CRISTÃOS DEVEM SER UMA “FORÇA PACÍFICA DE MUDANÇA”, DIZ PAPA
PAPA ENFRENTARÁ A PERSEGUIÇÃO NO REINO UNIDO
GADAFI FALA SÉRIO AO AFIRMAR QUE A EUROPA PODERIA SE ISLAMIZAR
PAPA CONTA EXPERIÊNCIAS DA SUA JUVENTUDE
CRISTÃOS QUEREM ENFRENTAR JUNTOS AS CRISES E PERSEGUIÇÕES
PAPA TEM MUITA ESPERANÇA NAS NEGOCIAÇÕES SOBRE A TERRA SANTA
Peritos reunidos no Peru defendem autenticidade do Santo Sudário de Turim
PAQUISTÃO: ASSASSINADOS 3 VOLUNTÁRIOS HUMANITÁRIOS CRISTÃOS



 

Saiba como contribuir com nosso site:

1) - O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!
2) - Receba os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui é grátis!
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por Aqui!
4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações Clique aqui!


Total Visitas Únicas: 8.063.437
Visitas Únicas Hoje: 882
Usuários Online: 174