Espacojames


Página Inicial
Listar Destaque




Artigo N.º 3511 - Críticas de Küng ao Papa sobre anglicanos: muito distantes da realidade
Artigo visto 1866 vezes




Visto: 1866
Postado em: 31/10/09 às 17:24:04 por: James
Categoria: Destaque
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=41&id=3511
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Destaque

Comentário do diretor do “L’Osservatore Romano”

ROMA, quinta-feira, 29 de outubro de 2009 (ZENIT.org).- “Mais uma vez, uma decisão de Bento XVI é pintada com cores fortes, preconceituosas e, sobretudo, muito distantes da realidade”: este foi o comentário do diretor do L’Osservatore Romano, Gian Maria Vian, sobre um artigo do teólogo suíço Hans Küng, republicado clamorosamente na Inglaterra pelo The Guardian e na Itália por La Repubblica.


Küng, “antigo colega e amigo do Papa – sublinha Vian –, que há algum tempo havia criticado a decisão de Bento XVI de remitir a excomunhão a quatro bispos lefebvristas, voltou a dar o que falar sobre ele”.

O próprio Papa, em 2005 – somente 5 meses após sua eleição –, “quis encontrar Küng em amizade”, apesar de que, em 1979, no começo do pontificado de João Paulo II, tivesse sido sancionado por algumas de suas posturas pela Congregação para a Doutrina da Fé.

Desde então, muitas vezes, Küng, “infalivelmente recolhido por influentes meios de comunicação, voltou a criticar Bento XVI, com aspereza e sem fundamento”.

E ele volta a fazer isso agora, “a propósito do anúncio da Santa Sé, verdadeiramente histórico, da próxima constituição de estruturas canônicas que permitirão a entrada de muitos anglicanos na comunhão com a Igreja Católica”.

Um gesto dirigido a reconstruir a unidade – afirma o diretor do jornal vaticano – que acaba sendo “distorcido e representado enfaticamente como se se tratasse de uma astuta operação de poder que é preciso ler em chave política, naturalmente de extrema direita”.

Vian qualifica as declarações de Küng como “uma representação tanto sombria quanto infundada da Igreja Católica e de Bento XVI”, expressando sua amargura frente a este “enésimo ataque gratuito contra a Igreja de Roma e seu indiscutível compromisso ecumênico”.


Fonte: www.zenit.org





LEIA TAMBÉM
Propaganda Chip Verimed Health Link_ Human Implantable RFID Commercial dublado
Bento XVI recorda que só a Igreja pode interpretar autenticamente a Bíblia
Agenda da Nova Ordem Mundial: Obama irá revelar a existência de seres extraterrestres inteligentes?
Fazer que os anglicanos se sintam em casa na Igreja Católica
Polônia: mais de mil escolas levam o nome de João Paulo II
A devoção mariana de Pio XII
A ameaça da pornografia para as crianças
Papa a fiéis africanos: ser sal e luz do continente
Papa convida África a uma nova evangelização



 

Saiba como contribuir com nosso site:

1) - O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!
2) - Receba os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui é grátis!
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por Aqui!
4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações Clique aqui!


Total Visitas Únicas: 7.995.171
Visitas Únicas Hoje: 132
Usuários Online: 212