Desertores do Estado Islâmico estão fartos de matar muçulmanos, aponta estudo
Espacojames



Página Inicial
Listar Destaque




Artigo N.º 13757 - Desertores do Estado Islâmico estão fartos de matar muçulmanos, aponta estudo
Artigo visto 1835




Visto: 1835
Postado em: 22/09/15 às 13:13:41 por: James
Categoria: Destaque
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=41&id=13757
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Destaque


Os líderes do Estado Islâmico consideram inimigos os outros grupos jihadistas, incluindo a organização satélite da Al-Qaeda

Cada vez mais combatentes da organização jihadista Estado Islâmico estão desertando, desiludidos com os massacres de muçulmanos, entre outras coisas, afirma um estudo publicado nesta segunda-feira.

Ao menos 58 pessoas deixaram a organização e falaram publicamente sobre o tema desde janeiro de 2014, destaca um estudo do Centro de Pesquisas da Radicalização (ISCR) do King’s College de Londres.

O estudo afirma que 17 desertaram em junho, julho e agosto, e que representam apenas “uma pequena fração” do número total, porque a maioria teme falar.

O ISCR pediu aos governos que facilitem o testemunho dos desertores e não os ameacem com detenção, porque eles podem servir para dissuadir muitos outros de se unirem à organização.

Os que falaram disseram que ficaram fartos de matar muçulmanos sunitas como eles, incluindo civis, e da incapacidade do Estado Islâmico de confrontar o regime sírio do presidente Bashar al-Assad.

As vozes dos desertores são claras e firmes: ‘o Estado Islâmico não está protegendo muçulmanos, está matando-os”, afirma o documento.

“Os muçulmanos estão combatendo os muçulmanos. Assad está esquecido. A jihad está de cabeça para baixo”, declarou um desertor alemão, identificado como Ebrahim B., que afirmava falar em nome de vinte jihadistas que viajaram à Síria e ficaram decepcionados.

Os líderes do Estado Islâmico consideram inimigos os outros grupos jihadistas, incluindo a organização satélite da Al-Qaeda, Jabhat al-Nusra, e travaram fortes batalhas contra eles.

Os desertores interrogados no documento são de 17 países, em muitos casos ocidentais.

Muitos que tentaram abandonar antes deles foram executados por espiões e traidores, explicaram seus antigos colegas.


Fonte: www.aleteia.org



Ajude a manter este site no ar. Para doar clique AQUI!

Saiba como contribuir com nosso site:

1) - O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!
2) - Receba os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui é grátis!
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por Aqui!
4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações Clique aqui!

Lenço Branco de N. Senhora
Saiba o que é, como fazer e as orações necessárias.
Óleo de São Rafael e Santa Filomena
Saiba mais sobre este santo remédio em tempos difícies
As 15 Orações de Santa Brígida
As promessas de Jesus para a alma que rezar estas orações.
Jesus eu Confio em vós
Nada negarei a alma que às 3 hs da tarde recitar minhas orações
Devoção às Gotas de Sangue de Cristo
Será livrado das penas do Purgatório.
Para os irmãos protestantes
Foi no colo de uma mulher que Deus colocou toda esperança do mundo



Total Visitas Únicas: 8.697.626
Visitas Únicas Hoje: 595
Usuários Online: 196