Espacojames


Página Inicial
Listar Destaque




Artigo N.º 12530 - Denzel Washington surpreende com lição sobre vida de oração.
Artigo visto 1877 vezes




Visto: 1877
Postado em: 29/07/14 às 12:18:57 por: James
Categoria: Destaque
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=41&id=12530
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Destaque

Espacojames: Lembram do filme "O livro de Eli"?

Sinopse

Num futuro pós apocalíptico onde a Terra fora devastada por uma guerra nuclear, Eli (Denzel Washington), um homem que vive perambulando há 30 anos em direção ao oeste, chega a um vilarejo cujo prefeito, um homem chamado Carnegie (Gary Oldman) procura incessantemente por um livro que, segundo o próprio, trará a ele o poder para governar todas as outras cidades que existem, pois o livro domina as pessoas. Esse livro é o livro que Eli tem em sua posse e que é o motivo que faz viajar rumo ao Oeste, onde entregará o exemplar, que possivelmente seja o último.

 

 

 

 

 

O cantor e ator Tyrese Gibson (Transformers, Fast&Furious) subiu no seu Facebook o vídeo (ver abaixo) no passado domingo e, apoiado pelos seus milhares de seguidores, desde então a maré viral não deixa de estendê-lo por todo o mundo.

Denzel Washington dirigia-se sobre o palco a um grupo de atores jovens como o mestre que é há tempo, ao ponto de fazer os sessenta anos e convertido numa lenda de Hollywood. E o que disse evocou o célebre cabeçalho da série televisiva Fama (como esquecer aquele: “Tendes muitos sonhos. Procurais a fama. Mas a fama custa. Pois aqui é onde vais começar a pagar. Com suor”?), mas com maior conteúdo.

Porque Denzel Washington, casado e com cinco filhos, cristão pentecostal e conhecido pela sua generosidade com diferentes causas benéficas, trouxe algo mais: espalhando convicção e uma palpável empatia com uns jovens literalmente extasiados, transmitiu a sua filosofia da vida sintetizada em frases lapidares e, sobretudo, coroada pela transcendência. Pela transcendência que pede aqueles que começam que jamais esqueçam de agradecer a Deus os dons recebidos, e que pensem que nada do que aqui consigam o levarão consigo ao morrer.

Tradução do apelo de Denzel Washington
(ver abaixo o vídeo)

 

 

ATT: Portugues de Portugal

Um verdadeiro desejo no coração de qualquer coisa boa é uma prova que Deus te envia à frente para indicar-te que já é tua. Assim que esse desejo que tendes, essa comichão que sentirdes de ser o que seja que quereis ser de bom, é a prova que Deus os envia para indicar-vos que já é vosso. Já o tendes! Proclamai-o!

Entendei isto também: os sonhos, sem objetivos, ficam-se em sonhos, só em sonhos, e terminam alimentando a desilusão. Os sonhos, sem objetivos (anuais, mensais, diários, minuto a minuto), ficam-se pelos sonhos e no final alimentam o desencanto. Os objetivos, no caminho até o seu cumprimento, não podem ser alcançados sem disciplina e sem constância. Compreenderam? Entre os objetivos e o seu cumprimento estão a disciplina e a constância.

Rezo para que todos vós, pela noite, ponhais os vossos sapatos bem debaixo da cama… Para que assim tenhais que ajoelhar-vos todas as manhãs para encontra-los! [Aplausos.] E para que enquanto estais assim, de joelhos, agradeçais a Deus pela graça, pela misericórdia, por compreender que estamos a poucos passos da glória, que temos de tudo!Se começasses agora a pensar em todas as coisas pelas quais tendes que dar graças, levar-vos-ia todo o dia, facilmente todo o dia!

Na nossa obra – estamos representando A Raisin in the Sun - actua um menino [Bryce Clyde Jenkins], e todos os dias fazemos um círculo e rezamos, e ele olha para o alto e pede que saíamos assim essa noite e toquemos a alguém. Ele disse: “Deus, alguém aí fora necessita de nós esta noite”.

Todos nós temos um dom único, o de sair e tocar às pessoas, chegar às pessoas. Compreendei esse dom, protegei esse dom, apreciai esse dom, empregai esse dom… Não abuseis desse dom. É um tesouro. Tende-o, já o tendes.

E finalmente direi o seguinte: nunca vereis um camião de mudanças atrás de um carro fúnebre… Di-lo-ei outra vez. Nunca vereis um camião de mudanças atrás de um carro fúnebre! Tive a sorte de ganhar centenas de milhões de dólares na minha vida. Não os posso levar comigo. Nem tampouco vós. Assim que não se trata de quanto tendes, mas sim do que fazes com o que tendes.

Todos temos diferentes dons. Uns tem dinheiro, outros tem amor, outros tem paciência, outros a habilidade de tocar às pessoas. Mas todos temos algo. Usai-o. Partilhai-o. Isso é o que conta. Não que carro conduzes… Não em que avião voas… Não que tipo de casa compraste à tua mãe… (Mas comprai uma casa à vossa mãe!) [Risos.]

Compreendei que todos estamos juntos nesta irmandade. Eu só sou um de vós. Só sou outro ator aqui, sobre o cenário. Todos começamos da mesma forma.

 

 


Fonte: http://blog.comshalom.org/carmadelio





LEIA TAMBÉM
Cristãos: perseguidos, mas não vencidos!
Atenção católicos: É hora de pensar bem sobre a importância do nobre exercício do direito de votar.
Cristãos na China cantam hinos chorando ao ver a cruz de sua igreja sendo removida.Veja!
Criacionista diz que não há salvação para extraterrestres
Empresário quer remodelar a Bíblia para facilitar sua aceitação
Muçulmano se converte ao cristianismo lendo o Alcorão
Rio na China fica totalmente vermelho em poucos minutos e surpreende moradores
O que está por trás da guerra atual em Israel
Terroristas marcam casas de cristãos no Iraque



 

Saiba como contribuir com nosso site:

1) - O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!
2) - Receba os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui é grátis!
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por Aqui!
4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações Clique aqui!


Total Visitas Únicas: 7.754.901
Visitas Únicas Hoje: 3.119
Usuários Online: 653