Espacojames


Página Inicial
Listar Parábolas e Histórias




Artigo N.º 17 - PARÁBOLA DO MORDOMO INFIEL
Artigo visto 3005 vezes




Visto: 3005
Postado em: 08/04/08 às 12:55:37 por: James
Categoria: Parábolas e Histórias
Link: http://www.espacojames.com.br/?cat=5&id=17
Marcado como: Artigo Simples
Ver todos os artigos desta Categoria: Parábolas e Histórias

Disse Jesus aos discípulos :

Havia certo homem rico que tinha um mordomo ; e este foi acusado perante ele de dissipar os seus bens .

E ele, chamando-o , disse-lhe :

Que é isso que ouço de ti ? Prestas
conta da tua mordomia , porque já não podereis ser mais meu mordomo.

E o mordomo disse consigo :
Que farei, pois que o meu senhor me tira a mordomia? Trabalhar na terra não posso, também de mendigar tenho vergonha,

Eu sei o que farei , para que quando for desapossado da mordomia me recebam em suas casas .

E, chamando a si cada um dos devedores ao seu senhor, disse ao primeiro : Quanto deves ao meu senhor ?

E ele respondeu : Cem medidas de azeite . E disse-lhe : Toma a tua conta e, assentando-te já , escreva cinqüenta.

Disse depois a outro : E tu quanto deves ?
E ele respondeu : Cem alqueires de trigo.

E disse-lhe :
Toma a tua conta e escreve oitenta.

E louvou aquele senhor o injusto mordomo por haver procedido prudentemente , porque os filhos deste mundo são mais prudentes na sua geração do que os filhos da luz .

E eu vos digo : granjeai amigos com as riquezas da injustiça , para que,
quando estas faltarem, vos recebam eles nos tabernáculos eternos.

Quem é fiel ao mínimo também é fiel ao muito ; quem é injusto ao
mínimo também é injusto no muito.

Pois , se nas riquezas injustas não fostes fiéis , quem vos confiará as
verdadeiras ?

E, se no alheio não fostes fiéis, quem vos dará o que é vosso ?

Nenhum servo pode servir a dois senhores, porque ou há de aborrecer a um e amar ao outro, ou há de chegar a um e desprezar ao outro: Não podeis servir a Deus e a Mamom

Mamom – significa riqueza de origem iníqua, ganho desonesto.

Lição que extraímos :

Cristo usa esta ilustração para ensinar que os incrédulos têm muito interesse nas coisas materiais para promover seus próprios interesses e bem estar . Por outro lado, os crentes freqüentemente não têm suficiente mentalidade celestial para usar seus bens terrenos para promover seus interesses espirituais e celestiais. A injustiça , a cobiça e o poder estão comumente envolvidos na acumulação e emprego das riquezas deste mundo. Devemos empregar nosso bem e dinheiro de modo a promover os interesses de Deus e a salvação
do próximo. Quem não é digno de confiança na aquisição e emprego de bens terrestres, tampouco será com as coisas espirituais. As riquezas do mundo tornam muito difícil a pessoa ter Deus como centro da sua vida


Bíblia Sagrada
(Evangelho de Lucas cap. 16 vers.1-13)



LEIA TAMBÉM
Parábola do Filho pródigo: ( Lc 15,11-32;).
Parábola da Grande ceia: ( Lc 14,16-24;).



 

Saiba como contribuir com nosso site:

1) - O vídeo não abre? O arquivo não baixa? Existe algum erro neste artigo? Clique aqui!
2) - Receba os artigos do nosso site em seu e-mail. Cadastre-se Aqui é grátis!
3) - Ajude nossos irmãos a crescerem na fé, envie seu artigo, testemunho, foto ou curiosidade. Envie por Aqui!
4) - Ajude a manter este site no ar, para fazer doações Clique aqui!


Total Visitas Únicas: 7.333.998
Visitas Únicas Hoje: 886
Usuários Online: 301